Obstetrícia

A obstetrícia é o ramo da medicina que estuda a reprodução na mulher. Investiga a gestação, o parto e o puerpério nos seus aspectos fisiológicos e patológicos.
Obstetrícia é a especialidade médica que atua no cuidado das gestantes. O especialista acompanha todo o pré-natal, realizando exames clínicos e solicitando exames complementares e também é o responsável central pelo momento do parto.

O obstetra é o médico especialista que cuida do desenvolvimento do feto, além de prestar assistência à mulher nos períodos da gravidez e pós-parto (puerpério).
O termo “obstetrícia” vem da palavra latina “obstetrix”, que é derivada do verbo “obstare” (ficar ao lado). Para alguns, seria relativo à “mulher assistindo à parturiente” ou “mulher que presta auxílio”.

O que é obstetrícia?

A obstetrícia é o braço da Medicina que trata da saúde da mulher durante a gravidez, o parto e no período logo após o nascimento da criança, nos primeiros 28 dias de vida.

Por também lidar com o sistema reprodutor feminino (útero, trompas e ovários) e com a saúde da mulher, a obstetrícia pode estar associada à ginecologia, sendo que ambas trabalham juntas para garantir qualidade de vida à paciente, durante um dos períodos mais delicados da vida da mulher.
Alguns médicos podem ter a dupla titulação de “ginecologista e obstetra”, mas essa junção não é obrigatória.
É de responsabilidade do médico obstetra realizar o pré-natal, acompanhando a gestante com exames e checagens médicas que a ajudarão a ter uma gravidez tranquila.

Um médico obstetra pode solicitar testes como o da curva glicêmica, um exame de sangue que auxilia na detecção da diabetes gestacional, que poderia causar riscos para a mãe e para o bebê. O repasse de informações e a relação de confiança entre obstetra e gestantes são fatores determinantes para que o parto seja seguro e tranquilo.

O médico é peça fundamental em todo o processo, sendo dele o compromisso de solicitar os exames necessários para o acompanhamento da gestação, como ultrassonografias e exames laboratoriais, assim como esclarecer as dúvidas quanto aos tipos de parto (normal, cesárea), prezando sempre pela humanização.
O obstetra também pode auxiliar a mãe no período de lactação, com orientações e dicas relacionadas à amamentação.

A medicina obstétrica também é a responsável por fazer o acompanhamento da gravidez, por meio do exame de ultrassom, e por orientar a paciente em relação aos tipos de parto disponíveis de acordo com cada tipo de gravidez, sanando todas as dúvidas que uma família possa ter antes desse momento tão importante.